Menu


Onde Tudo Começou 

18 MAR 2018
18 de Março de 2018
Brodowski se desenvolveu com a chegada da estação de trem

DO ENVIADO À LINHA DO RIO GRANDE

Atrás da Engenheiro Brodowski, uma escultura acena para os passageiros que deixam a estação rumo a Caribê ou Visconde de Parnaíba. Os trilhos não existem mais, a estação hoje só se chama Brodowski, Caribê foi demolida e Visconde de Parnaíba é apenas um local usado por vacas para pastar. Mas a escultura erguida na década de 90, que integra o Complexo Cultural Mogiana, na Praça das Artes, homenageia o centenário da construção da estação que originou a cidade.
Brodowski é o exemplo mais claro na Linha do Rio Grande de município que se desenvolveu a partir de uma estação ferroviária. O próprio nome da cidade é uma homenagem ao engenheiro Alexander Brodowski, inspetor da Mogiana.
Logo nos primeiros anos após a implantação da estação, ainda na última década do século 19, surgiram duas capelas, Santa Cecília e Nossa Senhora Aparecida, além de várias casas ao lado da estação. Em 22 de agosto de 1913, deixou de ser distrito de Batatais e ganhou autonomia. "Em Brodowski, há preservação", afirmou o pesquisador em ferrovias Ralph Mennucci Giesbrecht.
Esse é só um exemplo de como a ferrovia desenvolveu os municípios. A cidade seguinte na rota, Batatais, teve forte desenvolvimento após a linha férrea. Em 1898, 12 anos após a chegada dos trilhos à cidade, relatório do intendente Washington Luís, que três décadas depois seria presidente da República (1926-30), mostra que, em sete anos, as construções da cidade quase dobraram: passou de 420 imóveis para 800.
"Antes [da existência da linha], o transporte era feito por meio de tropas de burros, carroças ou carros de boi. Ela significou a chegada da modernidade para as cidades. O correio, a moda, os livros, a circulação de ideias e produtos se dava pelos trens. Por eles chegaram os imigrantes", afirmou a historiadora Tânia Registro, do Arquivo Público e Histórico de Ribeirão Preto.
O café é apontado como principal responsável pelo ciclo desenvolvimentista em Batatais.
(MARCELO TOLEDO)

Voltar


Tenha também o seu site. É grátis!